Antes que Suma

Antes que mais casas desapareçam, vá ver de perto a Rua Marques Amorim

Por Jota | 17 de outubro de 2018

Um trechinho da Rua Marques Amorim, no limite da Boa Vista com Ilha do Leite, pode ser um “destino” perfeito para quem aprecia casas antigas, jardins e alguma poeira de passado.

Os metros entre as Ruas Visconde de Goiana e Barão de São Borja são preciosos. Pelo menos dez casas da estilos e épocas distintos se mantém de pé.

Algumas muito bem preservadas e ocupadas. Outras estão vazias e carentes de recuperação. Umas são residências, outras abrigam empreendimentos de segmentos variados.

Há escritório de advocacia, órgãos públicos e escola de línguas, por exemplo. Em comum entre as construções, beleza.

Há sobrados, edificações imponentes, pequenos prédios com aspecto de casa e casas propriamente ditas com linhas mais simples, mas cheias de charme.

Ou seja, trata-se de um conjunto que mereceria ser tombado e preservado para o bem da memória da Boa Vista e do Recife.

Passe por lá, se perca da beleza que sobrevive neste trecho do centro da cidade. Vá antes que mais belezas como o casarão dos anos 30 demolida em dezembro de 2016, desapareçam. A casa que foi residência e asilo deu a lugar a um terreno vazio, inútil e triste.

Reparem nos azulejos, nos frisos, adornos, nos tetos, portões e, claro, no verde que realça os caprichos arquitetônicos.

Vá sem pressa, a pé e, se gostar de foto, leve sua máquina fotográfica ou celular. Vai ser quase impossível não fazer fotos.

Relembre abaixo da derrubada do casarão:

Réquiem para o lindo casarão demolido pelo Sinduscon na Marques Amorim

Casa histórica teria sido comprada pelo Sinduscon para ser demolida e virar estacionamento

Casa comprada pelo Sinduscon começa a ser derrubada para virar estacionamento

Mais publicações sobre a região onde está situada a Rua Marques Amorim:

Casarão da Condepe/Fidem encanta em esquina da Boa Vista

Casas lindas ameaçadas pelo “progresso” dos negócios da medicina

Casas testemunham passado residencial de área central do Recife

Conjunto de esculturas da Escola Oliveira Lima é tesouro “invisível” e esquecido

Necessitado de restauro, prédio de colégio municipal é riqueza azulejada do Recife

Rica em “casas-registros” do passado, Rua dos Médicis merece ser percorrida a pé

 

GALERIAS DE FOTOS COM IMAGENS DE 2016 E 2018: